sábado, 13 de setembro de 2008

HOJE QUERO TE AMAR ASSIM - DA POETISA LILIAN MAIAL



Só de carinho,
De preguiça, denguinho,
Enroscada em tuas coxas,
Fazer beicinho,
Mergulhada em teu sorriso.
Perdida em teu olhar,
Me encontrar nas tuas mãos.

Ah! Essas mãos de professor,
Que me conhece a geografia,
A anatomia,
Anarquia com meu corpo.

Finjo de morta,
Largada lânguida,
Escrava-ama,
Prontinha aqui.

Tua bela adormecida,
De teus lábios embebida,
Não me acorda mais de ti!

Um comentário:

Fran disse...

muito lindo.. amei!!